O que pode causar o intestino preso e o que tomar para tratar desse problema

O que pode causar o intestino preso e o que tomar para tratar desse problema

O que você vai ler neste post

Saber o que causa intestino preso e como tratar dessa condição extremamente incômoda e, às vezes, dolorosa ao paciente. Bastante comum no cotidiano das pessoas, o problema de intestino preso ocorre diariamente na vida de milhares de indivíduos. 

Conhecido popularmente como prisão de ventre, além de intestino preso, a constipação intestinal se trata de um problema definido como uma dificuldade presente na hora de evacuar. Dessa forma, é extremamente comum ocorrer em mulheres, especialmente durante sua gestação, nas crianças e nos idosos.

Sabemos que não há um padrão correto para definir o funcionamento do intestino e determinar uma boa evacuação, entretanto, consideramos que há um problema de intestino preso quando há bastante esforço de evacuar por parte do indivíduo, e não se tem o resultado necessário, ou quando a evacuação ocorre em uma frequência baixa, como por exemplo, duas vezes na semana.

Para evitar que este desconforto intestinal atrapalhe os seus dias ou as suas semanas, é importante conhecer o que causa intestino preso e como podemos tratar dessa condição com o uso dos melhores suplementos naturais disponíveis no mercado. Quer saber mais? Veja a seguir mais sobre o tema!

 

Possíveis causas do intestino preso

Há diversas causas para a prisão de ventre, e justamente por isso, saber o que causa intestino preso é fundamental para tratar deste sério problema. De forma mais branda, o intestino preso pode ocorrer apenas de forma psicológica quando o indivíduo troca de ambiente no qual está acostumado, se encontra em viagem ou há mudança em sua rotina.

Porém, podemos citar como outras causas do intestino preso uma dieta com ausência de alimentos fibrosos, uma ingestão pobre de líquidos diariamente, comportamentos sedentários e a não evacuação quando se sente vontade, afinal, é extremamente importante respeitar o funcionamento intestinal para garantir que ele atue corretamente.

Possíveis causas do intestino preso
Fonte/Reprodução: original

Além disso, o consumo diário alimentos industrializados em excesso e de proteína animal podem também contribuir para o que causa intestino preso. Doenças como o cólon de reto, hemorroidas, diverticulose, câncer, fissuras anais e até mesmo ansiedade e a depressão podem também estar associadas ao surgimento da prisão de ventre.

Há diversas causas para o surgimento da prisão de ventre, por isso, decidimos abordar as que mais acometem a população brasileira. É extremamente importante reconhecer a causa do intestino preso, seus sinais e sintomas característicos para o correto tratamento. 

 

Dieta pobre em fibras

Uma dieta equilibrada e rica em alimentos com fibras é extremamente importante para garantir que tenhamos o correto funcionamento do intestino. Dessa forma, as fezes, quando são eliminadas, saem de forma macia e com uma maior facilidade. 

Quando se tem uma dieta pobre em fibras ocorre justamente o contrário: as fezes se tornam mais endurecidas e, dessa forma, o intestino não funciona da forma que deveria e observamos, então, o quadro de prisão de ventre.

Logo, uma das principais formas de se evitar episódios recorrentes de intestino preso é manter uma dieta bem rica em alimentos fibrosos e consumir diversos chás e líquidos diariamente. Nutricionalmente falando, o certo é consumirmos cerca de 20 a 40 gramas de fibras diárias, presentes em alimentos como legumes, frutas, integrais ou grão-de-bico.

 

Pouca ingestão de líquidos

Manter uma ingestão de líquidos pobre durante o dia-a-dia é outra principal causa do surgimento da prisão de ventre. A ingestão de água durante a rotina ajuda no correto funcionamento do intestino e, dessa forma, faz com que as fezes saiam com maior facilidade durante a sua evacuação.

E não é só isso! A água é extremamente importante e ajuda na formação de um tipo de gel localizados ao longo das estruturas do nosso trato gastrointestinal, que faz com que tenhamos uma maior sensação de saciedade.

Recomenda-se que a ingestão diária de água seja de dois litros, aproximadamente. Dessa forma, o nosso intestino funcionará corretamente e as fezes serão eliminadas de forma mais fácil e macia. Outros líquidos são indicados para o consumo diário também, como sucos, chás, dentre outros.

 

Sedentarismo

O sedentarismo é outro fator importante para o surgimento da prisão de ventre em inúmeros indivíduos! A falta de exercícios físicos faz com que ocorra uma diminuição no metabolismo do nosso corpo e dos movimentos intestinais realizados a cada segundo. Com isso, as fezes se encontram por mais tempo no nosso intestino e, quando saem, é com uma certa dificuldade.

Por conta disso, é recomendado a realização de atividades físicas por, no mínimo, trinta minutos diariamente. Assim o intestino é influenciado a funcionar de forma correta e os sintomas da prisão de ventre serão mais leves. Há inúmeras outras vantagens também para a prática diária de exercícios, principalmente relacionados ao bem-estar físico e mental.

 

Deixar de ir ao banheiro quando está com vontade

É muito comum as pessoas não irem ao banheiro quando estão com vontade durante o dia-a-dia, seja por vergonha de estar em um ambiente novo ou pela correria diária. Quando isso acontece, as fezes retornam para o intestino e ficam bem mais ressecadas e endurecidas, fazendo com que o intestino perca, de forma gradual, as suas principais funções.

Assim, há maior dificuldade na hora de defecar e mais força será necessário para fazer com que as fezes saiam. Quando realizamos força nesse momento, há risco de surgir hemorroidas no futuro como consequência. Por isso é extremamente importante fazer coco assim que a vontade surgir!

A ansiedade e a depressão são outros fatores comuns ao surgimento da prisão de ventre! Elas provocam uma redução do fluxo sanguíneo no intestino e resulta nesta condição. Outro fator importante é o uso excessivo de medicamentos laxantes, que irritam a mucosa e diminuem toda a rugosidade superficial do intestino – assim, o movimento das fezes é dificultado tal como a sua eliminação.

Além de estarmos atentos às causas da prisão de ventre, os sinais e os sintomas também são importantes para identificarmos essa condição. Afinal, são justamente os sintomas que nos levam ao descobrimento da causa e, assim, chegamos a uma resolução do quadro.

Dentre eles, podemos destacar como principais: falta de evacuação, fezes se encontram ressecadas, endurecidas e com pouco volume, sensação de que a evacuação não foi feita totalmente, desconforto intestinal, sensação de abdômen inchado, gases, mal-estar e inúmeros problemas digestivos.

Ultimamente, tomar suplementos naturais em cápsula vêm se tornado uma prática aliada para ajudar na prevenção do intestino preso. Com diversas vitaminas e proteínas disponíveis dentro do mercado, ter esse complemento na nossa dieta facilita bastante o funcionamento do nosso intestino e ajuda a evitar os episódios de prisão de ventre.

 

O que tomar para tratar do intestino preso?

A prisão de ventre tem cura e, melhor que isso, pode ser evitada! Além de uma série de mudanças de hábitos para corrigir as causas dessa condição, o uso de suplementos em cápsula visando realizar a reposição ou complementar as fibras e as proteínas que estão faltando é uma etapa fundamental para garantir o tratamento do intestino preso. 

O que tomar para tratar do intestino preso
Fonte/Reprodução: original

E, aqui na Nutrilife Caps, você consegue encontrar os melhores suplementos disponíveis dentro do mercado para tratar o seu intestino preso! Com os melhores preços e condições de entrega, você garante o seu bem-estar e a sua saúde com a nossa loja online! Cuide de você e do seu intestino, venha fazer parte da família Nutrilife Caps!

Por fim, saber o que causa intestino preso e como tomar suplementos naturais ideias para a prevenção desse quadro é essencial para garantir a sua saúde e o seu bem-estar. Para isso, pode contar com a nossa equipe da Nutrilife Caps e com os nossos produtos!

NutriLife Caps
NutriLife Caps

Alcance o ápice da sua saúde através de nossos
SuperAlimentos Premiums

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.