Conheça as causas e tipos da Anemia

Conheça as causas e tipos da Anemia

O que você vai ler neste post

As causas da anemia são diversas, mas para entendê-las é preciso primeiro conhecer o problema.

Presente em uma grande parcela da população brasileira, em especial como efeito consequente da pandemia de covid-19, a anemia é uma doença provocada, em especial, por uma dieta deficiente de nutrientes e vitaminas que provoca uma certa carência de hemoglobina em nosso sangue.

Entretanto, a anemia não se resume a apenas uma deficiência de nutrientes e vitaminas em nossa dieta. Ao contrário do que muitos pensam, ela não está somente relacionada a nossa alimentação. Em um leque de fatores, temos diversas causas da anemia, assim como diferentes tipos e formas de tratamento.

Segundo a OMS, cerca de 30% da população mundial, ou seja, aproximadamente 2,2 bilhões de pessoas, sofrem com algum tipo de anemia.

Há inúmeros sinais e sintomas que indicam a presença de anemia em nosso organismo, por isso, é importante sempre realizar consultas periódicas com um clínico geral e fazer exames de sangue rotineiramente.

Assim, as causas da anemia podem ser identificadas precocemente e o tratamento para anemia pode ser feito visando prevenir futuras complicações e amenizar todos os sintomas. Quer saber mais sobre as causas da anemia e os seus diferentes tipos? Acompanhe nosso texto!

 

Tipos de Anemia

Bom, antes de falarmos sobre os tipos de anemia, precisamos definir o que é a doença. A anemia é caracterizada por uma deficiência de hemoglobina, proteína também conhecida como hemácia e que compõe os glóbulos vermelhos, em nosso sangue.

Além de compôr os glóbulos vermelhos, a hemoglobina também é responsável pelo transporte de oxigênio na corrente sanguínea, de forma distribuída por todo o corpo através dos nossos órgãos e dos nossos tecidos. Em um indivíduo com essa condição, há inúmeras causas da anemia que podem provocar essa deficiência, seja interna ou externa.

Tipos de Anemia
Fonte/Reprodução: original

Como consequência, a produção de hemoglobina é considerada extremamente abaixo do normal, o que justifica os baixos valores presentes no sangue. Bastante comum tanto em países desenvolvidos como nos subdesenvolvidos, a anemia é uma preocupação de saúde pública que alarma grande parte dos países e seus respectivos governos.

Assim como podemos observar várias causas de anemia, também temos diferentes tipos de anemia associados a esses respectivos fatores. Cada variação da doença aparece e age de forma diferente no nosso organismo, com respectivos sinais e sintomas característicos de cada uma. Os principais tipos de anemia são:

 

Anemia causada pela falta de nutrientes

Diante dos tipos de anemia presentes, esse é o mais comum na população. Todos sabemos que certos nutrientes são necessários para o correto funcionamento do nosso organismo, e alguns em específico são essenciais para a produção dos glóbulos vermelhos. Na deficiência dos mesmos, o quadro de anemia surge.

Os principais nutrientes para a formação correta das hemácias são o ferro, a vitamina B12 e o ácido fólico. Assim, os tipos de anemia são classificados de acordo com cada nutriente que se encontra em deficiência.

A anemia ferropriva é justamente a deficiência de ferro no organismo do indivíduo. Isso é uma consequência direta de uma dieta desequilibrada e com a ausência do ferro, mas pode acontecer também por conta de uma hemorragia ou por condições sistêmicas que promovem uma má absorção do nutriente pelo organismo.

Já a anemia megaloblástica é provocada pela deficiência da vitamina b12 no organismo, resultado também de uma dieta inadequada, condições que provocam uma certa deficiência na absorção da vitamina ou pelo uso de medicamentos, como alguns usados no tratamento de diferentes tipos de câncer. A principal característica desse tipo de anemia é apresentar grandes glóbulos vermelhos.

 

Anemia Hereditária

Outro exemplo dos diferentes tipos de anemia é a hereditária, provocada por uma mutação genética que provoca comprometimento tanto na produção como no ciclo de vida dos glóbulos vermelhos. Em grande número dos casos, essa condição é detectada em instantes após o nascimento ou até os seis anos do indivíduo.

Dentro desta, temos outros tipos de anemia: a anemia falciforme, onde as hemácias apresentam um formato de foice e podem ser rompidas facilmente ou a talassemia, onde a mutação afeta diretamente a produção das hemácias.

 

Anemia por doença autoimune

Em certos casos, algumas doenças autoimunes provocam uma anemia induzida pela condição propriamente dita. Mas como assim? A condição em específico faz com que o nosso próprio organismo produza anticorpos específicos para destruir os glóbulos vermelhos. Um exemplo dos diferentes tipos de anemia é a anemia hemolítica autoimune.

 

Anemia causada por doenças crônicas

Pela presença de uma doença crônica no organismo, em certos casos, nosso corpo pode detectar uma inflamação e, como mecanismo induzido de defesa, retarda a produção das hemácias. Dessa forma, a sobrevivência das células se torna reduzida.

Essa condição também pode ser observada quando o organismo metaboliza o ferro de maneira atípica, como consequência direta da doença crônica presente em nosso organismo.

 

Anemia causada por problema na medula óssea

Um dos tipos de anemia mais raros é o provocado por problemas na medula óssea. A anemia aplástica pode ser caracterizada por uma drástica redução na produção de hemoglobina, glóbulos vermelhos no geral ou até mesmo de outros componentes presentes no sangue.

Os problemas na medula óssea podem ser adquiridos ao longo da vida ou podem estar presentes desde o nascimento.

 

Buscar tratamento para anemia

O tratamento para anemia ideal varia. Como há diferentes causas da anemia, o primeiro grande passo para começar o tratamento é identificar o que está provocando a redução do nível sérico de hemoglobina.

No caso da anemia provocada pela falta de nutrientes, primeiramente determinamos qual nutriente está em deficiência. Assim, determinamos uma dieta que seja rica no nutriente deficiente e equilibrada composta por alimentos ricos em ferro ou vitamina b12, em conjunto com suplementos naturais em cápsula para ajudar a complementar a alimentação.

Buscar tratamento para anemia
Fonte/Reprodução: original

Já os tipos de anemia hereditária não apresentam nenhum tipo de cura, apenas tratamentos que envolvem a transfusão recorrente de sangue. Também indicamos uma dieta equilibrada com bastante nutriente e para evitar a realização de exercícios físicos muito intensos.

Já nos tipos de anemia causados por doença crônica, o tratamento é através do controle da doença que provoca essa condição.

Por último, as anemias provocadas por imunodeficiência ou problemas na medula óssea necessitam de medicamentos específicos para ajudar na regularização da medula óssea ou no estímulo da mesma para a produção das células sanguíneas.

Também pode ser necessário, nesses casos, optar por uma transfusão sanguínea em conjunto com a terapêutica medicamentosa. Assim, se obtém melhores resultados no tratamento para anemia provocada por imunossupressão ou por condições que afetam a medula óssea.

 

Suplementos naturais que ajudam no tratamento da anemia

Em determinados tipos de anemia, podemos utilizar suplementos naturais em cápsula para complementar a absorção dos nutrientes e das vitaminas essenciais na produção de glóbulos vermelhos, como a vitamina B12 e o ferro.

Somados a uma dieta rica nestes nutrientes e equilibrada, os suplementos apresentam grande papel no auxílio da absorção destes fatores pelo organismo.

Por fim, os diferentes tipos de anemia podem ser observados espalhados pela nossa população, e mesmo com diferentes causas, o tratamento para anemia pode ser feito quando se tem um diagnóstico precoce e certeiro.

Por isso, saber o que causa a anemia e seus principais sinais e sintomas são essenciais para o correto manejo da doença.

NutriLife Caps
NutriLife Caps

Alcance o ápice da sua saúde através de nossos
SuperAlimentos Premiums

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.