Jejum Intermitente Reduz COVID-19 Severa

O que você vai ler neste post

Praticar jejum pode reduzir sua chance de morrer de COVID-19 !

Foi descoberto que pessoas que jejuam intermitentemente têm menor chance de serem hospitalizadas ou morrerem de COVID-19 do que aquelas que não seguem a dieta.

2 Fatos são interessantes sobre esta pesquisa publicada na prestigiada BMJ Nutrition, Prevention & Health.

O primeiro é que foi realizado entre Março 2020 a Fevereiro de 2021 onde ainda não havia vacina disponível…

E o segundo fato é que a amostragem foi feita na cidade de Salt Lake City (EUA) onde vive um grande número de mórmons que frequentam a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias…

… e normalmente não comem ou bebem por duas refeições consecutivas no primeiro domingo de cada mês.

O resultado foi que dentre os 205 pacientes que testaram positivo para o vírus 73 disseram que jejuavam regularmente pelo menos uma vez por mês.

Os pesquisadores descobriram que aqueles que praticavam o jejum regular tiveram uma taxa menor de hospitalização ou morte por coronavírus.

A explicação pode estar em alguns dos benefícios do Jejum:

1 – Jejum Intermitente desinflama

Uma pesquisa mostrou que o jejum pode ajudar a controlar a inflamação, diminuindo a quantidade de células pró-inflamatórias liberadas no sangue – o que faz diminuir a quantidade de células pró-inflamatórias liberadas no sangue…

Quanto mais inflamação você tem, mais sua imunidade estará ocupada para combater isso. No período em que jejuamos nosso corpo tem muito tempo para só trabalhar contra outros invasores como o COVID-19.

2- Jejum Intermitente repara células danificadas

O jejum também desencadeia a autofagia um processo pelo qual o corpo repara partes celulares com defeito ou contaminadas.

3- Jejum reduz a disseminação do vírus

O jejum muda a fonte de energia do seu corpo da glicose para gordura…

…e isso aumenta a quantidade de ácidos graxos livres, como o ácido linoleico, circulando no corpo.

Pesquisas mostram que o ácido linoleioco se encaixa na superíficie do SARS-COV2 inibindo a sua contaminação de outras células e assim reduzindo a sua carga viral.

Aprenda Mais Sobre o Jejum

Para mim Mateus da NutriLife, Isso não é surpresa!

Pois além de ser um praticante de Jejum Intermitente e ter passado com leves sintomas durante o COVID19 mesmo sem vacina…

Eu tenho visto o Jejum sendo estudado pelos maiores centros médicos do mundo – todas são unânimes quanto a redução de gordura corporal, diabetes, câncer e até melhora no humor.

Aproveite que o tema está fresco na sua cabeça…

…e leia também sobre Como usar o Jejum Intermitente Para Emagrecer :

>> APRENDER MAIS SOBRE O JEJUM INTERMITENTE <<

 

NutriLife Caps
NutriLife Caps

Alcance o ápice da sua saúde através de nossos
SuperAlimentos Premiums

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.